segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Eu queria ser desses
que nunca aprendem
a quem a vida
não consegue ensinar

queria ser como
os que gozam e não sentem
como os que partem
sem nenhum anseio de voltar

mas estou do lado de cá
onde a visão encurta as distâncias
e ofusca a imensidão
aqui de onde partem
múltiplos caminhos

e um poema
é quase sempre
a única saída.

valder valeirão

2 comentários:

V. disse...

bah...

V. disse...

Roubei: http://vcamargojunior.blogspot.com.br/2012/11/eu-queria-ser-desses-que-nunca-aprendem.html